Brumadinho: primeiro-ministro de Israel oferece ajuda a Bolsonaro

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, ofereceu ajuda neste sábado (26/1) para resgatar as vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho (MG). Netanyahu ligou para o presidente Jair Bolsonaro (PSL) que aceitou a oferta. De acordo com o israelense, uma comitiva vai sair neste domingo (27) rumo ao Brasil para trazer os equipamentos de extração.

“Após o desastre que desabou no Brasil, levando a centenas de pessoas desaparecidas, falei com o Jair Bolsonaro e sugeri que Israel enviaria assistência imediata à cena do desastre e assistia à busca das pessoas desaparecidas. O Presidente do Brasil agradeceu-me e respondeu à proposta. No dia que vem, uma delegação israelense vai sair com equipamentos de extração”, publicou Netanyahu no Twitter.

Bolsonaro agradeceu, através das redes sociais, o envio de ajuda internacional. “Aceitamos e agradecemos mais essa tecnologia israelense a serviço da humanidade”, disse o presidente.

.

Mais cedo, Bolsonaro visitou a cidade de Brumadinho, acompanhado dos ministros ministros da Defesa, Augusto Azevedo e Silva; do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno; da Secretaria de Governo, Carlos Alberto dos Santos Cruz; e o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, 299 pessoas estão desaparecidas, 46 foram resgatadas e 10 foram encontradas sem vida.

METROPOLES

Você pode gostar...