Bolsonaro diz que MEC estuda realocar dinheiro de áreas de humanas

O presidente da República, Jair Bolsonaro, diz que o governo deve realocar recursos em universidades da áreas de humanas, como filosofia e sociologia, para “focar em áreas que gerem retorno imediato ao contribuinte”.

Segundo Bolsonaro, em mensagem publicada no Twitter, “o objetivo é focar em áreas que gerem retorno imediato ao contribuinte, como: veterinária, engenharia e medicina”.

A ideia é um plano do novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, que recentemente criou uma conta na rede social.

Em um tuíte seguinte, Bolsonaro afirmou que “a função do governo é respeitar o dinheiro do contribuinte, ensinando para os jovens a leitura, escrita e a fazer conta e depois um ofício que gere renda para a pessoa e bem-estar para a família, que melhore a sociedade em sua volta”.

Em entrevista ao Estadão, Weintraub já havia feito críticas ao investimento em áreas de humanas:

“Precisamos escolher melhor nossas prioridades porque nossos recursos são escassos. Não sou contra estudar filosofia, gosto de estudar filosofia. Mas imagina uma família de agricultores que o filho entrou na faculdade e, quatro anos depois, volta com título de antropólogo?”

Renova Mídia

Você pode gostar...